Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Middle Way

Blog humanitário e reivindicativo da liberdade e felicidade de todos, até do próprio planeta.

Blog humanitário e reivindicativo da liberdade e felicidade de todos, até do próprio planeta.

06
Jul17

Vai, colhe as tuas flores

JR

Ainda há tão pouco tempo cabias no meu colo, pequenina e frágil. Movimentos soluçados, hesitantes. Olhos inquietos. Eu, cansada e medrosa, também hesitava contigo, sem saber bem como te segurar o pescoço mole. Mas feliz, feliz por te ter.

 

É maravilhoso ver-te crescer. Um privilégio poder conhecer alguém desde o seu início. Perceber o modo como te impões perante o mundo, gritando pelo teu lugar, mostrando que não és apenas mais um bebé, mais uma criança...mas que és tu. Que queres, que tentas, que falhas, que não desistes. Ver-te, em silêncio orgulhoso, ganhares força na tua corrida. Pisares o chão com um passo cada vez mais firme. Sorrir, discretamente, pelo modo como já sentes o ritmo da música no corpo e o tentas soltar em danças descoordenadas, mas tão doces. És um doce.

 

Mas ainda, há pouco, eras tão pequenina!

 

Agora, já te perco por minutos, quando foges pela porta e segues caminho, à procura dos teus brinquedos. Autónoma na procura, autónoma na descoberta. Mas, depois, ao longo do corredor já soltas o teu "mamã! mamã!" tão intencional, procurando regressar ao nosso aconchego. E ris, ris com tantos dentes!

 

Tão, tão pequenina...

 

Já brincas sozinha, no teu canto das caixas brancas. Tudo te maravilha! Exclamas a tua surpresa ao reencontrares, a cada dia, os mesmos brinquedos. Olhas para eles com o mesmo espanto da primeira vez. Abraças todos os bonecos com uma ternura desmedida. E já brincamos juntas, soltando gargalhadas, enquanto foges de mim. Um medo fingido mas expectante, ansioso pela brincadeira. Quando, já sem fôlego de tanto rir, olhas para mim, olhas mesmo...um olhar que já me vê e que já me transmite o que pensas. O teu olhar já fala e é tão bom.

 

Por isso vai, filha, colhe as tuas flores no jardim. Cresce. Continua a achar beleza nos pormenores e nas coisas simples. Essas, as mais importantes. Mantém-te assim, terna e forte. Segura, mas procurando o meu abrigo.

 

 

IMG_20170521_011631.jpg

 

Follow

12 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs Portugal

A Ler

Links

  •  
  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D

    Website translation