Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Middle Way

Blog humanitário e reivindicativo da liberdade e felicidade de todos, até do próprio planeta.

Blog humanitário e reivindicativo da liberdade e felicidade de todos, até do próprio planeta.

24
Jan16

Um sábado biológico

JR

Acordamos, de manhã, para um sábado solarengo. Levantamo-nos, com alguma preguiça, e fomos comer o nosso pequeno-almoço de supermercado.

 

Já tinha planeado usar a manhã para experimentar, pela segunda vez, o mercado biológico do Campo Pequeno. Já há algum tempo que ando a planear melhorar aquilo que ingerimos cá em casa. Há uns anos mal me importava com isso...! Ainda nos temos da faculdade comprava do mais barato, fazia refeições rápidas e eficientes que me deixassem com tempo e sem fome para poder aproveitar, ao máximo, a vida académica (e lembro-me de tudo isto, incluindo o traçadinho do famoso Pintos, com bastante saudade...). 

 

Mas, na verdade, os anos vão passando...o corpo já não aguenta o mesmo estilo de vida e sentimos o peso disso. Para além disso, agora como por duas. Sou responsável pela nutrição desta menina que já se faz sentir com força!

 

E, neste dia de sol, lá fui eu comprar alimentos biológicos, saudáveis, da época!

O mercado tem um ambiente bastante familiar, as pessoas escolhem as coisas com calma, somos recebidos com sorrisos e os alimentos....cheiram a alimentos! (E, por momentos, lá me senti eu na quinta do meu avô). Tudo fresco, uma panóplia de cores, pessoas felizes.

 

E eis um exemplar do que chegou cá a casa hoje!

IMG_7057.JPG

 

 A agricultura biológica visa uma produção sustentável e de impacto positivo nos ecossistemas, contribuindo para a própria biodiversidade. Não utiliza pesticidas nem adubos químicos, nem recorre a produtos geneticamente modificados (daí as maçãs, por exemplo, não parecerem ter saído de uma produção em série, umas iguais às outras...). Este conceito alarga-se à produção animal, que se rege por normas de ética que permitem o bem estar dos animais.

Contribuimos, também, para a longevidade das nossas produções nacionais.

Vários artigos e estudos realizados parecem não encontrar diferenças nutricionais estatisticamente significativas entre os alimentos produzidos convencionalmente e os de agricultura biológica. A principal vantagem, em termos de saúde, parece ser a menor exposição a pesticidas e a bactérias resistentes aos antibióticos (Are organic foods safer or healthier than conventional alternatives?: a systematic review. - Smith-Spangler C et al - Ann Intern Med. 2012). E, claro, as vantagens para a saúde do planeta.

 

Apesar de menos uns tostões no bolso (os preços são, comparativamente, mais elevados), hoje sinto-me com menos uns pesticidas também. Mero efeito psicológico...?

 

 

 

 

 

Follow

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs Portugal

A Ler

Links

  •  
  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D

    Website translation