Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Middle Way

Blog humanitário e reivindicativo da liberdade e felicidade de todos, até do próprio planeta.

Blog humanitário e reivindicativo da liberdade e felicidade de todos, até do próprio planeta.

02
Jan18

Uma espécie de ponto de situação

JR

1506117419984.jpg

 

Sou uma pessoa incrivelmente nostálgica. 

É, precisamente, essa nostalgia que me puxa pelas palavras e, consequentemente, pela escrita. Atrevo-me a dizer que, se a magia de momentos idos não me afectasse tanto, provavelmente as páginas permaneceriam em branco.

O passado guia-me a mão.

 

Por isso, sinto profundamente os fins e os recomeços.

 

Há um ano atrás não podia imaginar que aqui estaria, agora. Na verdade, nem sei bom o que aqui significa. A maternidade catapultou-me para o desconhecido. Não conheço a estrada, nem os cheiros, nem os sons. Habituada a conseguir prever ou, pelo menos, esboçar o dia de amanhã, aprendi que pouco da vida está, plenamente, sob o nosso controlo. Inicialmente, senti medo. Aos poucos, aceitei. Com o tempo, ficarei mais tranquila.

Reconheço, também, a beleza do desconhecido. Só nos encontramos, verdadeiramente, quando nos perdemos.

 

O último ano foi o ano de ver crescer uma vida imensa. Imensa de alegria, de energia e de garra. A minha filha preencheu-me os dias. Pude cuidar dela todos os segundos, amparar-lhe os primeiros passos, ensaiar-lhe as palavras. Sim, um verdadeiro privilégio. Cada revés vem acompanhado de inúmeras vantagens, muitas vezes encobertas. Isso, levo como ensinamento.

 

No meio da turbulência, consegui espaço e tempo para me reinventar. Me experimentar de outras formas. A maternidade consome-nos. Pedaços de nós, que nos identificam, ficam irremediavelmente pendurados no cabide à espera de melhores tempos, mais disponibilidade, outra energia. Mas novas coisas surgem, capacidades escondidas, sonhos novos.

Valha-nos a capacidade de sonhar. 

 

Que 2018 nos dê, a todos, sonhos mais altos.

Mesmo às mães que pouco dormem.

 

 

 

23
Fev16

30 semanas

JR

Fevereiro está a chegar ao fim e, finalmente, chegou a altura de me desligar do trabalho.

Obrigações antigas postas atrás das costas. Obrigações felizes e novas no horizonte.

 

30 semanas e uma barriga grande. Dores de costas reconfortantes por serem a marca do teu crescimento!:) 1,5 kg.

 

Começo a contar os dias para que possa olhar para ti. As compras estão feitas, o teu cantinho guardado.

 

IMG_20160223_113640.jpg

 

 

IMG_20160223_113557.jpg

 

E a tua história começa a ser escrita.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

A Ler

Links

  •  
  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D