Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

The Middle Way

The Middle Way

09 de Outubro, 2017

Os sentidos de Van Gogh

JR

 

Há uns anos atrás visitei o museu Van Gogh em Amesterdão. Foi incrível ver os quadros por ele pintados, cara-a-cara. 

 

Este ano, a Cordoaria Nacional tem uma exposição de Van Gogh atípica - Van Gogh, The Experience. Como gostamos de fazer coisas em família, levar a nossa pequena exploradora a ver mundo desde pequenina, decidimos ir. Digo-vos, desde já, que todos adoramos.

 

Assim que chegamos, deparámo-nos com um grupo de adultos, bem postos, a pedir o livro de reclamações e a escrever em todo o lado, queixando-se do preço e da simplicidade da exposição. " Nem um único quadro dele exposto! ". Não me deixei influenciar. Tenho presente, em mim, que na simplicidade está a beleza.

A bebé, indiferente a tais protestos, maravilhou-se, imediatamente, com a parede coberta a papel, disposta logo à entrada. Uma tela pública reunindo a arte de todos. E ela lá pegou nos lápis coloridos e saltitou pela tela improvisada, rabiscando ali e aqui, melhorando o trabalho de outros. Tal e qual uma artista impaciente, em pleno pico criativo, largando lápis pelo chão enquanto escolhia uma nova cor.

 

IMG_20170919_164656.jpg

 

IMG_20170919_164726.jpg

 

Na verdade, a exposição decorre apenas num salão grande. Os quadros são projectados, virtualmente, em todas as paredes e no tecto. Somos rodeados por paredes coloridas, móveis, inconstantes. Acompanhamos, sentados em puffs, a vida do artista, as mutações da sua personalidade, a forma como ele se foi moldando enquanto pessoa e pintor. A música, bem escolhida, adapta-se a cada etapa e quadro, adequa-se à cor dominante que, ora nos alegra, ora nos oprime.

 

IMG_20170921_235732.jpg

 

IMG_20170921_235344.jpg

 

 

IMG_20170921_235946.jpg

 

IMG_20170919_172401.jpg

 

Para a minha pequena salta-montes, ávida por estímulos, foi uma grande aventura. Em toda a parte paredes em metamorfose, cores vibrantes e saltitantes, música envolvente. Adorei vê-la a correr, de parede em parede, em exclamações constantes. Tudo uma novidade. A esticar o seu pescocinho para o tecto, para ver o desenho que mudava. Cor, som e textura.

 

IMG_20170921_235912.jpg

 

Tenho a certeza que, para ela, esta experiência foi bem melhor que levá-la ao museu em Amesterdão.

 

A exposição está em exibição apenas até 22 de Outubro. Aproveitem para levar as vossas crianças! (ou a criança que há em vocês...)

Mais informações acerca de preços e horários aqui.

 

Boa experiência!

Follow